quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Ele está de volta!

Após dez anos no futebol árabe, um dos mais injustiçados jogadores do futebol nacional está de volta. Allejo assinou contrato de um ano com o Botafogo, prorrogável por mais um ano, dependendo da situação física do jogador.

Allejo jogou pela seleção brasileira nos anos 90, e foi responsável direto pelo título mundial de 1996, ano em que foi eleito também o artilheiro da copa do mundo, com 1.250.715,5 gols (meio gol foi creditado a ele pelo sensacional "FORTEBOMBA" que acabou resultando no gol do camisa 11 da época, Janco Tianno).





"Estou muito emocionado", disse Allejo ao repórter do Meio-dia com Farinha e Bola. "Em outra época, não jogaria aqui, mas agora quero cuidar dos meus filhos, e morar em um lugar tranquilo como o Rio vai me trazer felicidade", completou.

Allejo completa 45 anos em outubro. O técnico Cuca revelou o sonho de escalar Allejo logo na próxima partida, contra o Time B dos Correios de Cabo Frio: "Nossa Senhora" - repetiu, chorando.

Allejo representa uma esperança para o Botafogo, que tem uma maratona de clássicos pela frente, pelo returno do Campeonato Carioca. Após o jogo contra os carteiros de Cabo Frio (chamado pelos jogadores de "Clássico da Redenção"), o Fogão pega o Time dos Salva-Vidas do Posto 5 de Copacabana e o Time de Amarelo que Ninguém Lembra o Nome em Niterói, depois viaja para Rezende enfrentar o Combinado da Colônia Penal de Francisco Pacheco. A saga termina dia 12, no Maraca, contra o Club Desportivo Tarcísio Meira, equipe formada por pessoas escolhidas na rua ao acaso.


4 comentários:

Arú" disse...

W.E.??? Meu irmão é bom nisso...
Abrraaaaaaaaaaaaaaaaço!!!
Ass.
Arú"(Tabexa) - leia-se "Tabecha"
;)

Cidão disse...

Allejo Who?

Akicage disse...

Attention!

Osc@r Luiz disse...

O Senhor é o famoso quem?
Sacanagem! O Cuca era até bonzinho quando jogava no Grêmio.
Putz! To velho, né?
Um abraço!